Concurso Santa Cabrini: aprovados estão mais próximos de convocação

Novidades sobre o concurso Santa Cabrini. Deputada Martha Rocha encaminha ao governador Wilson Witzel PL sobre convocação de aprovados.

Autor:
Publicado em:23/05/2019 às 13:42
Atualizado em:23/05/2019 às 13:42

*Matéria atualizada em 27/05/2019, às 13h08

Os aprovados no concurso Fundação Santa Cabrini estão mais próximos da convocação. É que a deputada estadual Martha Rocha (PDT-RJ) encaminhou nesta quinta-feira, 23, ao governador Wilson Witzel uma indicação legislativa, que prevê a convocação de 67 aprovados na seleção anterior.

O envio do texto foi publicado no Diário Oficial do Estado do Rio de Janeiro. Agora, caberá ao governador enviar ou não o Projeto de Lei sobre o tema para votação na Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj). Isso porque medidas que afetem os quadros de pessoal do Poder Executivo devem ter iniciativa do governador.

Já existe um Projeto de Lei, de autoria da deputada Martha Rocha, para nortear o governador. Em caso de envio do texto à Alerj, caberá à Assembleia votá-lo. Sendo aprovado, o texto vai à sanção do governador Wilson Witzel.

Um dos impedimentos para as contratações é o Regime de Recuperação Fiscal, que congela a verba para a remuneração do pessoal. Todavia, a Fundação Santa Cabrini poderá convocar aprovados para cargos vagos oriundos de exonerações e falecimentos.

Concurso Fundação Santa Cabrini depende de governador para convocar aprovados (Foto: Philippi Lima)
Concurso Fundação Santa Cabrini depende de governador para chamar aprovados
(Foto: Philippi Lima)

Candidatos realizaram o concurso em 2014

O concurso da Fundação Santa Cabrini, vinculada à Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), aconteceu em dezembro de 2014, mas os candidatos aprovados não foram contratados, devido à crise financeira.

A última prova contou com a inscrição de 4.446 candidatos e tinha como objetivo o preenchimento de 69 vagas distribuídas por cargos dos níveis médio, médio/técnico e superior.

Estude para concursos públicos!

Entre elas, 31 estavam destinadas ao cargo de agente administrativo (médio), com remuneração de R$1.762,44. Caso tivesse graduação, o valor seria de R$2.098,15, mais R$125 do acréscimo de qualificação.

Para os cargos com exigência de 3º grau, haviam 17 vagas para diversos cargos. Neste caso, a remuneração seria de R$4.042,31, com gratificação de R$210 para especialistas, R$420 para mestres e R$840 para doutores. Então, de acordo com o nível os valores poderiam alcançar R$4.252,31, R$4.462,41, R$4.882,31, respectivamente.

A validade de seleção era de dois anos e passível de prorrogação por mesmo período, sendo a contratação por regime estatuário.

Quer prestar concurso, mas não sabe pode onde começar? Assista ao nosso vídeo: [VIDEO id="8739"]