Saiba como foram as provas do último concurso de Campinas-SP

Saiba como foi o último concurso para a Prefeitura de Campinas, em São Paulo, e prepare-se para a nova seleção.

Autor:
Publicado em:23/05/2019 às 14:26
Atualizado em:23/05/2019 às 14:26

Os editais do concurso para a Prefeitura de Campinas, em São Paulo, serão divulgados nas próximas semanas e prometem atrair grande número de inscritos. Por isso, a recomendação é que os interessados se preparem antecipadamente.

Concurso Campinas-SP: editais previstos para sair até início de junho

A melhor referência para os estudos são os editais anteriores. A coordenadora de Concursos, Recrutamento e Seleção do órgão, Juliana Miorin, confirma:

“(...) Os candidatos já podem começar a se preparar, estudando a partir de outros concursos já realizados pelo município e por outras instituições. E, quando os editais forem divulgados, eles poderão continuar os estudos com base no processo atual.”

⇒ Todos os editais anteriores podem ser consultados na página de concursos da prefeitura

Na última seleção, em 2016, foram divulgados quatro editais que somavam 147 vagas. As oportunidades eram para as áreas de Saúde, Educação, Procuradoria e outras, assim como no novo concurso.

Vale destacar que a lista de carreiras ofertadas não é a mesma, mas os moldes das avaliações são semelhantes nos últimos concursos realizados pelo órgão. Diferentemente da próxima seleção, que será organizada pela Fundação Vunesp, a anterior ficou por conta da Fundação Carlos Chagas (FCC). 

Concurso Campinas-SP: Vunesp assina contrato

Os candidatos foram avaliados por meio de prova objetiva (para todos os cargos), prova de títulos (para área de Educação) e prova discursiva de conhecimentos específicos (para o cargo de procurador), que consistiu em uma peça prática.

(Foto: Reprodução)
Candidatos foram submetidos a até três etapas de avaliação
(Foto: Reprodução)

Provas objetivas tiveram de 50 a 60 questões

Todos os candidatos do concurso de 2016 da Prefeitura de Campinas foram submetidos a prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório. O exame era composto por 50 questões para cargos de níveis fundamental e médio, e 60 questões para os de nível superior. 

Língua Portuguesa, Legislação e Atualidades eram as disciplinas comuns a todas as carreiras, exceto médicos. Para esses, as avaliações abrangiam Conhecimentos Gerais e Específicos relacionados a área de atuação. 

Como estudar Português para concursos públicos? Baixe o e-book!

No caso de professores também foram cobrados Conhecimentos Pedagógicos. E os candidatos de nível fundamental responderam questões sobre Matemática e Raciocínio Lógico. 

Para ser aprovado no exame de múltipla escolha foi preciso alcançar, pelo menos, 120 pontos - no caso de cargos de nível fundamental - ou 150 pontos - para os demais cargos. 

Candidatos da Educação realizaram prova de redação

Os candidatos no nível superior da área de Educação, que também será contemplada no novo concurso, ainda realizaram uma redação no mesmo dia da prova de múltipla escolha e foram submetidos à análise de títulos. Na primeira, foi preciso redigir um texto dissertativo de 20 a 30 linhas.

Dúvidas sobre Redação? Veja dicas da especialista!

O exame discursivo valia de zero a 100 pontos. Para ser considerado aprovado foi preciso obter nota igual ou superior a 50. Já os títulos tiveram a pontuação distribuída da seguinte forma:

Experiência Profissional - 1 ponto
Pós-Graduação lato sensu - 0,5 ponto
Mestrado - 1,5 ponto
Doutorado - 2,5 ponto

Próximo concurso terá 266 vagas em todos os níveis

De acordo com informações do setor de concursos da Prefeitura de Campinas, os editais dos próximos concurso estão previstos para serem divulgados entre final de maio e início de junho. São esperados sete documentos que vão somar 266 vagas em todos os níveis de escolaridade. 

A áreas que serão concorridas incluem Saúde, Educação, Segurança e Administrativa. Os vencimentos chegam a R$8 mil e os selecionados ainda terão direito a benefícios como auxílio-refeição no valor de R$982,56 e auxílio-transporte.

♦ Prepare-se para o concurso da prefeitura com cursos preparatórios! ♦

Nesse último, o servidor que utiliza contribui com 3%, calculado sobre o valor da remuneração. A carga de trabalho é de 36 horas por semana. Confira a tabela de vagas:

Cargos Salário
Médicos (71 vagas) R$8.232,52
Agente de Apoio à Saúde (cinco); Desenhista (uma); Agente de Fiscalização (uma); Instrutor Surdo (duas) R$2.940,19
Auxiliar de Consultório Dentário (cinco) R$2.156,09
Dentista (duas) R$7.840,50
Enfermeiro (cinco); Farmacêutico (duas); Nutricionista (duas); Psicólogo (cinco); Analista de TI (duas); Analista de Gestão de Pessoas (uma); Auditor de Controle Interno (uma); Contador (cinco); Economista (uma); Especialista em Informação - Biblioteconomia (duas); Auditor Fiscal Tributário Municipal (duas) R$5.684,35
Fisioterapeuta (duas) R$4.736,93
Médico Veterinário (uma); Agente Fiscal Tributário (duas) R$6.174,39
Técnico em Patologia Clínica (duas); Técnico em Agrimensura (duas); Técnico em Edificações (duas); Técnico em Segurança do Trabalho (duas) R$3.528,20
Arquiteto (duas); Engenheiro - Ambiental (uma); Engenheiro - Civil (cinco); Engenheiro - Elétrica (cinco); Engenheiro - Saúde e Segurança do Trabalho (uma) R$7.154,46
Agente Administrativo (20) R$2.548,14
Coordenador Pedagógico (duas) R$7.056,43
Professor (45) R$4.496,50
Supervisor Educacional (duas) R$7.448,46
Guarda Municipal feminino e masculino (60) R$2.606,95

 

Para a carreira de médico, que soma 71 vagas, as oportunidades estão distribuídas entre as especialidades médico Geral, Família e Comunidade, Ginecologia e Obstetrícia, Medicina do Trabalho, Pediatria e Psiquiatria. 

Para professor, com 45 oportunidades, as áreas concorridas são de de Educação Infantil (Educação Básica I), Anos Iniciais (Educação Básica II), Geografia, Matemática e Educação Especial.

O concurso para a Prefeitura de Campinas foi anunciado em março, quando o prefeito, Jonas Donizette, autorizou a contratação da banca Vunesp. [VIDEO id="8443"]