Concurso Capes tem banca definida para edital com 50 vagas

A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior definiu a banca do seu novo concurso Capes.

Concursos Previstos
Autor:Luiz Gabriel Saldanha
Publicado em:22/11/2023 às 06:41
Atualizado em:22/11/2023 às 08:48

O concurso Capes está mais perto de ter o seu edital publicado. A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior definiu a banca que ficará responsável por sua seleção.


Nesta quarta-feira, 22, a Capes divulgou a dispensa de licitação, que traz o Cebraspe como organizador do seu próximo concurso. 


Conforme o documento, o edital da Capes irá ofertar 50 vagas mais formação para cadastro de reserva, no cargo de analista em ciência e tecnologia, de nível superior. 


Atualmente, o salário da carreira é de, aproximadamente, R$5.869,17, considerando o vencimento básico, sem gratificações, mais o auxílio-alimentação de R$658, ambos reajustados este ano pelo governo.


A MAIOR novidade do mundo dos concursos! Prepare-se para a Black Friday da Folha Dirigida por Qconcursos. Dia 24/11, às 9h. Cadastre-se gratuitamente e concorra a ofertas, prêmios e muito mais. Clique aqui!

Capes tem banca definida para próximo concurso

(Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil)


Último concurso Capes ocorreu em 2012

O último concurso Capes foi realizado em 2012, com oferta de 140 vagas para as carreiras de assistente e analista em ciência e tecnologia. Os aprovados foram lotados em Brasília DF. 


O cargo de assistente teve como requisito o nível médio completo e, no mínimo, um ano de experiência em tarefas inerentes à classe. A remuneração, na época, era de R$2.711,33. 


Já o cargo de analista teve como requisito o nível superior completo na respectiva área de formação, com exceção da formação geral, em que era possível ter graduação em qualquer segmento.


A remuneração ofertada para o cargo de analista foi de até R$8.124,68, caso o candidato tivesse doutorado. 


O concurso foi organizado pelo Cebraspe e foi composto por provas objetivas, práticas/discursivas e avaliação de títulos. 


Na parte objetiva, foram cobrados 120 questões, sendo 50 de Conhecimentos Básicos e 70 Específicos. Já na discursiva, para analistas, foi preciso elaborar uma nota técnica sobre Conhecimentos Específicos.


Não quer perder nenhuma novidade e ser o primeiro a saber sobre todas as informações sobre concursos públicos? Acompanhe o nosso canal no Telegram.