Concurso Unificado: isenção da taxa termina nesta sexta-feira, 26

Prazo para solicitar a isenção da taxa do Concurso Unificado encerra nesta sexta-feira, 26. Saiba o que é preciso para fazer o pedido!

Concursos Abertos
Autor:Bruna Somma
Publicado em:26/01/2024 às 10:27
Atualizado em:26/01/2024 às 11:16


Os pedidos devem ser feitos pela página do CPNU, com acesso por meio da conta GOV.BR. Pode solicitar a isenção da taxa quem se enquadrar em um dos seguintes casos: 

  • inscrito no programa Cadastro Único (CadÚnico);
  • doador de medula óssea;
  • seja ou tenha sido bolsista do ProUni; e
  • seja ou tenha sido financiado pelo Fies.

É necessário enviar a documentação comprobatória das condições. No formulário online de inscrição, há espaço para anexar arquivos, por exemplo, que comprovem que foi ou é estudante com bolsa do Fies/Prouni, assim como a declaração de que foi doador de medula.


Os doadores de medula óssea devem anexar o Registro Brasileiro de Doadores Voluntários de Medula Óssea (Redome), emitido pelo Inca, ou laudo emitido por médico inscrito no Conselho Regional de Medicina.


Somente serão aceitos documentos no formato PDF, PNG ou JPG, no tamanho máximo de 2MB.


Não serão considerados válidos documentos apresentados por via postal, correio eletrônico ou entregues no dia da aplicação das provas, mesmo que estejam em conformidade com o estabelecido no edital.


Em 2024, querer é poder! Com o Qconcursos sua aprovação não é um sonho. É o próximo passo. Assine já!

Concurso Unificado oferece mais de 6 mil vagas para o Executivo Federal

(Foto: Semob DF)


Também poderão ser utilizadas bases de dados nacionais para verificar se o candidato está efetivamente apto à isenção, como, por exemplo, os cadastros de integrantes do CadÚnico e o Registro Brasileiro de Doadores Voluntários de Medula Óssea. 


A Fundação Cesgranrio, banca organizadora do concurso, também irá consultar o órgão gestor do CadÚnico, do Prouni e do Fies para verificar a conformidade da condição de isenção apresentada pelo candidato.

Prazo para receber resposta sobre a isenção é de três dias

O prazo para o candidato receber resposta se teve ou não a isenção aceita é de três dias úteis, contandos a partir do dia útil seguinte ao da inscrição. Há também espaço para contestação/recursos, no caso de indeferimento.


Todo esse processo ocorre de forma virtual e automatizada, no ambiente online de inscrições.


O candidato que prestar informação falsa com intuito de usufruir da isenção sem ter direito a ela estará sujeito ao cancelamento da inscrição e exclusão do CPNU.


Aqueles que eventualmente tiverem recusa da dispensa da taxa ainda terão tempo para garantir participação no concurso, assim como os demais candidatos, considerando que o prazo geral de inscrições vai até 9 de fevereiro. 


O assessor do Gabinete da Secretaria de Gestão de Pessoas (SGP) do MGI e membro do Grupo Técnico Operacional do CPNU, Pedro Assumpção Alves, aponta que o CPNU deve ultrapassar a quantidade de inscritos do maior concurso público já realizado no país: o do Banco do Brasil, que contou com 1,6 milhão de candidatos, em 2021.

“A expectativa é superar esse número”, aponta o assessor do MGI.

Editais do CPNU são novamente retificados

Os editais do Concurso Unificado foram novamente retificados nesta sexta-feira, 26. As mudanças foram nos requisitos de alguns cargos, remunerações e pesos dos eixos temáticos das provas objetivas.


Para o cargo de tecnologista do Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa), por exemplo, presente no bloco 3, foi incluída a Retribuição por Titulação de aperfeiçoamento/especialização ou mestrado ou doutorado.


Desta forma, a remuneração inicial pode chegar a R$10.823,89, no caso do doutorado. 


Para o cargo de psicólogo da Advocacia Geral da União (AGU), do bloco 5, a remuneração passou para R$6.761,72, a partir da inclusão da Gratificação de Desempenho da Atividade de Apoio Técnico-Administrativo (GDAA). 


Também no bloco 5, o cargo de analista em reforma e desenvolvimento agrário, do Incra, na especialidade de Antropologia passou a ter o seguinte requisito:

  • certificado de conclusão ou diploma, devidamente registrado em Ciências Sociais ou graduação concluída em qualquer formação acompanhada de mestrado e/ou doutorado em Antropologia.

No bloco 7, o cargo de tecnologista em Informações Geográficas e Estatísticas, do IBGE, na área de Comunicação Social definiu que os candidatos devem ter graduação em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo. 


Ainda foi incluída a tabela da Retribuição de Titulação para os cargos do IBGE. 


Oferta do concurso é dividida por blocos temáticos

O Concurso Unificado, também chamado de Enem dos Concursos, oferece 6.640 vagas para diferentes cargos de 21 órgãos do Poder Executivo Federal. Essas oportunidades estão agrupadas por oito blocos temáticos. 


Veja a divisão das vagas por bloco:

  • Bloco 1 - Infraestrutura, Exatas e Engenharias - 727 vagas;
  • Bloco 2 - Tecnologia, Dados, e Informação - 597 vagas;
  • Bloco 3 - Ambiental, Agrário e Biológicas - 530 vagas;
  • Bloco 4 - Trabalho e Saúde do Servidor - 971 vagas;
  • Bloco 5- Educação, Saúde, Desenvolvimento Social e Direitos Humanos - 1.016 vagas;
  • Bloco 6 - Setores Econômicos e Regulação - 359 vagas;
  • Bloco 7 - Gestão Governamental e Administração Pública - 1.748 vagas; e
  • Bloco 8 - Nível Intermediário - 692 vagas.

É possível se inscrever apenas para um dos blocos temáticos. Veja a relação completa de cargos por bloco aqui!

Candidatos deverão fazer ranking de preferência

Com a possibilidade de concorrer a vários cargos no mesmo bloco temático, no momento da inscrição o candidato deve elencar os cargos por prioridade. É o chamado ranking de preferência. 


Confira como funciona esse ranking:

  • escolher o bloco temático;
  • escolher os cargos;
  • ordenar preferência entre os cargos; e
  • ordenar preferência das especialidades.

A pontuação do participante nas provas será considerada para todos os cargos incluídos no ranking de preferência. Desta forma, concorre-se simultaneamente a todas as oportunidades listadas. 

Resumo do Concurso Público Nacional Unificado

  • Instituto: mais de 20 órgãos do Executivo Federal
  • Situação atual: editais publicados
  • Banca: Fundação Cesgranrio
  • Cargos: diversos
  • Escolaridade: níveis médio e superior
  • Vagas: 6.640
  • Remuneração: até R$23.579,71
  • Inscrições: 19 de janeiro a 9 de fevereiro de 2024
  • Data da prova objetiva: 5 de maio

Saiba mais e comece a estudar para o concurso.

Veja detalhes sobre as provas do Concurso Unificado

O Concurso Público Nacional Unificado será composto pelas seguintes fases:

  • 1ª fase: provas objetivas e discursivas;
  • 2ª fase: perícia médica (avaliação biopsicossocial);
  • 3ª fase: procedimento de verificação da condição declarada: reserva de vagas para pessoas negras; e
  • 4ª fase: procedimento de verificação documental complementar: reserva de vagas a indígenas. 

Haverá ainda avaliação de títulos para alguns cargos.


As provas objetivas e discursivas serão realizadas no dia 5 de maio, em 220 cidades espalhadas pelo país, divididas em dois turnos. Confira:


Turno da manhã (2h30 de prova)

  • Para cargos de nível médio: provas objetivas (20 questões) + redação; e
  • para cargos de nível superior: provas objetivas de Conhecimentos Gerais (20 questões) + prova discursiva Específica do bloco.

Turno da tarde (3h30 de prova)

  • Para cargos de nível médio: provas objetivas (40 questões); e
  • para cargos de nível superior: provas objetivas de Conhecimentos Específicos (50 questões).

No caso dos cargos de nível médio, do Bloco 8, as provas objetivas serão sobre Língua Portuguesa, Noções de Direito, Matemática e Realidade Brasileira. 


Para os cargos de nível superior, as provas terão duas partes: uma de Conhecimentos Gerais, que falará sobre Políticas Públicas, e uma parte de Conhecimentos Específicos, com cinco eixos temáticos relacionados ao bloco escolhido. Confira a lista de disciplinas aqui!


Entre no nosso grupo do WhatsApp e tenha acesso às aulas e curso gratuito do Concurso Público Nacional Unificado. Acesse aqui!

Logo Qconcursos
Conteúdo Qconcursos

Salário

Até R$ 22.921,71

Cargos

9

Vagas

13280
PRÓXIMA LIVEVer todas
Imagem do vídeo principal

QC HighTech - Aula de Informática

Equipe Qconcursos