Exclusivo! Presidente fala sobre edital do concurso Caixa e mais

Em entrevista à Folha Dirigida por Qconcursos, presidente Carlos Antônio Vieira fala sobre o novo edital do concurso Caixa, para técnicos e mais.

Concursos Abertos
Autor:Mateus Carvalho
Publicado em:22/02/2024 às 09:53
Atualizado em:22/02/2024 às 11:59

Em entrevista exclusiva à Folha Dirigida por Qconcursos, o presidente Carlos Antônio Vieira falou sobre o novo edital do concurso Caixa, publicado nesta quinta-feira, 22, no Diário Oficial da União.


Ao todo, a Caixa Econômica Federal, oferece 4.050 vagas em seu novo concurso, sendo 4 mil vagas no primeiro edital, de nível médio, e 50 no segundo, destinado aos cargos de nível superior.


O presidente do banco comentou a importância desta nova seleção, após dez anos sem a Caixa realizar concurso público.

"De fato, há dez anos a Caixa não realiza um concurso público. E esse concurso tem uma conotação muito específica, pelo rejuvenescimento da nossa base de colaboradores, com vieses importantíssimos. Nós vamos incrementar a base de técnicos bancários, da carreira recorrente que nós temos, e nós estamos criando uma nova categoria. Vai ser um concurso pela primeira vez com vagas destinadas aos especialistas em Tecnologia da Informação (TI)", disse.

Isso porque o primeiro edital traz, das 4 mil vagas para técnicos bancários, de nível médio, 2 mil para o cargo de técnico bancário de tecnologia da informação.


Já o segundo edital traz 50 oportunidades de nível superior, sendo elas para os cargos de médico do trabalho (28 vagas) e engenheiro de segurança do trabalho (22 vagas).

PDV deve favorecer mais convocações

As vagas do concurso da Caixa estão divididas entre imediatas e cadastro de reserva. O presidente Carlos Vieira comentou que a expectativa é grande pela chegada dos novos profissionais.


Além disso, segundo ele, há uma outra iniciativa que pode favorecer as convocações: o Programa de Desligamento Voluntário (PDV).

"Nós temos uma outra iniciativa que é o lançamento, nos próximos dias, de um plano de desligamento de colegas. Temos um contingente bem significativo de colegas que estarão saindo. Mas todo concurso a gente começa querendo o quadro reserva, para já iniciar a absorção. Então a nossa intenção é absorver, imediatamente, os 4 mil colegas que serão aproveitados neste processo (concurso)", disse.

Segundo o presidente, não será necessário aquela expectativa de longo tempo para a convocação. A previsão é de chamadas imediatas.


Inclusive, o lançamento do PDV foi o que avançou os preparativos rumo ao lançamento do concurso.


A previsão é de que 3.200 funcionários aceitem a proposta, o que deve favorecer as chamadas imediatas deste concurso.


De acordo com a Caixa, a previsão é que as contratações dos aprovados sejam feitas a partir de agosto de 2024.


Os candidatos serão convocados para apresentarem a documentação e realizarem os exames médicos obrigatórios.


Confira a entrevista!


Respostas do presidente sobre o concurso Caixa

Quer saber o que mais foi dito pelo presidente Carlos Vieira durante a entrevista exclusiva? Confira, a seguir, as respostas na íntegra!


Como a Caixa irá diferenciar os dois profissionais: técnico bancário novo e técnico bancário TI?

Carlos Vieira: "Tem algumas qualificações que estão no edital, e outras ainda serão brevemente anunciadas quanto às inscrições, para caracterizar um e outro participante. O que a gente está querendo é que, na absorção desses colegas que vêm para a área de TI nós também vamos dar uma capacitação interna para que eles possam dar suporte, a partir das suas habilidades, já advindas do mercado, dentro da própria especificidade dentro da atividade na Caixa Econômica.


Por que a cobrança de Inglês no concurso da Caixa?

Carlos Vieira: "A gente tem uma tendência absolutamente necessária, no mundo moderno, do domínio da Língua Inglesa. A gente acredita que essa base que está entrando (novos servidores) ela já tem esse domínio estabelecido - até porque essa é uma matéria exigida nos nossos currículos escolares. No ponto de vista da inovação, é uma percepção sobre todo o contexto que tem uma língua expressiva, que é considerada hoje uma língua tão necessária no mundo dos negócios. Esse foi um comum acordo com a Fundação Cesgranrio (banca), e traz essa novidade, que é essa percepção de ampliação da nossa capacidade de comunicação. Hoje várias atividades exigem que se tenha uma interlocução diferenciada, a partir da sua capacidade de comunicabilidade. A Língua Inglesa tem esse contexto.


Há uma perspectiva de inscritos?

Carlos Vieira: "Nós não chegamos ainda a definir uma estimativa de inscritos. Mas a gente entende que vai ter uma percepção muito exacerbada sobre essa oportunidade diante de um país que precisa reduzir o seu déficit em relação à geração de emprego. Nós estamos hoje em queda, mas ainda temos um déficit muito acentuado da população economicamente ativa. Algo em torno de 7,1% da população buscando reposicionamento no mercado de trabalho. E a Caixa gera essa oportunidade, porque o concurso da Caixa, a abrangência dele em ponto de vista de faixa etária é muito extenso, então você tem uma gama muito grande da população habilitada em fazer parte deste concurso - haja vista que os indicadores mostram que a população deseja ter novos empregos. A Caixa está gerando essa oportunidade.


A Caixa terá concursos regulares nos próximos anos? Há previsão de novos editais?

Carlos Vieira: "Essa é uma dinâmica que não está dentro de uma cronologia estabelecida, mas ela é uma necessidade. À medida que a Caixa expande, e à medida que os serviços se expandem, à medida que a gente expande os nossos serviços no Brasil afora, certamente isso associado ao ciclo da aposentadoria, abre espaço para que a gente crie novas oportunidades. Então, não é um cronograma definido, mas estamos atentos às oportunidades. A Caixa já chegou a ter 126 mil empregados ativos. Quem sabe a gente não volte a ter um contingente tão efetivo de empregados ativos na Caixa?


Mensagem do presidente

Carlos Vieira: "Minha palavra de incentivo é que a Caixa é uma empresa extremamente importante para o país, pelo papel que ela exerce. Todos os empregados que adentram na Caixa eles absorvem toda a nossa cultura, de ser uma empresa a serviço do Brasil. Então, assim, estudem! E usando um termo da Caixa: Acredita e vem!"

Salários e benefícios do concurso Caixa

Em ambos os casos (técnico generalista e de TI), além do nível médio, os aprovados terão ganhos de R$3.762, podendo chegar a R$5.575,54, com o auxílio-alimentação, no valor de R$1.014,42 e cesta-alimentação de R$799,38 (setembro de 2022 - último acordo em vigor), além de outros benefícios.


As remunerações serão de R$11.186 (médico) e R$14.915 (engenheiro), podendo chegar a R$12.999,80 e R$16.728,80, respectivamente, também com os auxílios.


Além do salário inicial e do auxílio-alimentação, o aprovado ainda fará jus ao vale-transporte e a diversos benefícios, como assistência à saúde, previdência complementar e auxílio-creche (R$602,81). Veja todos a seguir:

  • auxílio-alimentação e refeição - R$1.014,42;
  • auxílio cesta alimentação - R$799,38;
  • 13º cesta alimentação - R$799,38;
  • auxílio creche/auxílio babá - R$602,81;
  • assistência à saúde; e
  • previdência complementar.

As 4.050 vagas do concurso Caixa são distribuidas pelos 26 estados do país, além do Distrito Federal. O concurso terá validade de um ano, podendo prorrogado por igual período.


Resumo do concurso Caixa

  • Órgão: Caixa Econômica Federal
  • Situação: edital publicado
  • Banca: Fundação Cesgranrio
  • Cargos: técnico bancário, técnico bancário TI, médico do trabalho e de engenheiro de segurança do trabalho
  • Vagas: 4.050
  • Requisitos: níveis médio e superior 
  • Remuneração: R$5.575,54 a R$16.728,80
  • Inscrições: 29 de fevereiro a 25 de março de 2024
  • Provas: 26 de maio de 2024

Saiba mais e comece a estudar para o concurso!


Que tal ter acesso a dicas de estudos para o concurso Caixa em um único local? Folha Dirigida, junto com o Qconcursos, produziu um e-book com o Guia de Estudos para a Caixa. BAIXE O E-BOOK AQUI!

Inscrições serão abertas no próximo dia 29

A Caixa receberá inscrições no seu concurso público a partir das 10h do dia 29 de fevereiro. Os cadastros deverão ser efetuados no site da Fundação Cesgranrio, organizadora, até as 23h59 de 25 de março.


Após preencher a ficha de inscrição, o candidato deverá pagar a taxa de R$50, para técnico bancário, e de R$60, para médico do trabalho e engenheiro de segurança do trabalho.


O prazo para solicitar isenção do valor vai de 29 de fevereiro a 7 de março, também no site da banca.


No ato de inscrição, o candidato deverá escolher o cargo, polo/macropolo/UF de opção.


No caso do cargo de técnico bancário tradicional, a cidade de realização das provas estará automaticamente vinculada ao polo/marcopolo/UF de opção.


Para o cargo de técnico bancário de TI, o candidato, além de escolher o polo/marcopolo/UF, ainda deverá optar pela cidade de realização das provas.


Haverá isenção de taxa para candidatos que comprovarem a inscrição no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal ou que forem doadores de medula óssea.


A isenção do valor da taxa poderá ser solicitada entre os dias 29 de fevereiro e 7 de março no portal da Cesgranrio.

Concurso Caixa terá provas em maio

Os candidatos a técnico bancário serão avaliados por meio de provas objetiva e discursiva (redação para técnico bancário), no dia 26 de maio, em todo o país.


Na avaliação objetiva, serão propostas 60 questões, sendo 25 de Conhecimentos Básicos e 35 de Conhecimentos Específicos.


Para técnico bancário tradicional, a estrutura será a seguinte:

Conhecimentos Básicos (25 questões)

  • Língua Portuguesa: 5 questões;
  • Língua Inglesa: 5 questões;
  • Matemática Financeira: 5 questões;
  • Noções de Probabilidade e Estatística: 5 questões; e
  • Comportamentos éticos e compliance: 5 questões.

Conhecimentos Específicos (35 questões)

  • Conhecimentos Bancários: 15 questões;
  • Conhecimentos de Tecnologia da Informação e Comunicação: 5 questões;
  • Conhecimentos e Comportamentos Digitais: 5 questões;
  • Atendimento Bancário: 10 questões.

Já para o técnico bancário de Tecnologia, a estrutura será a seguinte:

Conhecimentos Básicos (25 questões)

  • Língua Portuguesa: 5 questões;
  • Língua Inglesa:5 questões;
  • Matemática Financeira: 5 questões;
  • Noções de Probabilidade e Estatística: 5 questões; e
  • Comportamentos éticos e compliance: 5 questões.

Conhecimentos Específicos (35 questões)

  • Tecnologia da Informação: 30 questões; e
  • Conhecimentos e Co(mportamentos Digitais: 5 questões.


Provas para médico e engenheiro

Os candidatos a médico e engenheiro, por sua vez, serão avaliados por meio de provas objetiva, discursiva e de títulos, esta última classificatória. A aplicação também ocorrerá em 26 de maio, em todo o país.


Na avaliação objetiva, serão propostas 70 questões, sendo 30 de Conhecimentos Básicos e 40 Específicos.


Conhecimentos Básicos (30 questões)

  • Língua Portuguesa: 10 questões;
  • Língua Inglesa: 5 questões;
  • Conhecimentos e comportamentos digitais:5 questões;
  • Comportamentos éticos e compliance: 5 questões; e
  • Noções de Probabilidade e Estatística: 5 questões.

Conhecimentos Específicos (40 questões)

Médico do trabalho

  • Conhecimentos Médicos Gerais: 10 questões;
  • Medicina do Trabalho e Saúde do Trabalhador: 15 questões;
  • Legislação Específica: 10 questões; e
  • Auditoria Médica e Plano de Saúde: 5 questões.


Engenheiro da segurança do trabalho

  • Saúde e Segurança no Trabalho: 40 questões.


A prova discursiva dos cargos de nível superior serão uma questão dissertativa, valendo dez pontos.


Critérios de aprovação

Em todas as carreiras, após a primeira etapa, os candidatos serão classificados por polo/macropolo/UF, de acordo com o total de pontos obtidos.


Será eliminado quem não conseguir, pelo menos, a metade dos pontos do conjunto das provas objetivas e a metade da pontuação da prova objetiva de Conhecimentos Básicos e Específicos.


Na discursiva será preciso alcançar, no mínimo, a metade dos pontos.


O resultado final do concurso está previsto para ser publicado no dia 5 de agosto. As convocações deverão ocorrer de forma imediata.

Logo Qconcursos
Conteúdo Qconcursos
InstitutoCaixa Econômica Federal

Salário

Até R$ 3.762,00

Cargos

3

Vagas

4000
PRÓXIMA LIVEVer todas
Imagem do vídeo principal

Concurso Correios - Aula de Língua Portuguesa: PREPOSIÇÕES

Equipe Qconcursos