Concurso PM PE: secretaria fala sobre possível fraude nas provas

SDS se pronuncia após possíveis irregularidades na aplicação das provas do concurso PM PE. Confira os detalhes!

Autor:Bruna Somma
Publicado em:01/02/2024 às 11:34
Atualizado em:01/02/2024 às 11:52

As provas do concurso PM PE, para os cargos de soldado e oficial, foram realizadas no último domingo, 28 de janeiro. Nas redes sociais, candidatos relataram possíveis irregularidades na aplicação, inclusive com o vazamento do gabarito oficial. 


Prints de um aplicativo de mensagens mostravam uma conversa em que o gabarito teria sido repassado. O remetente ainda pede para o candidato mudar duas questões para não ficar totalmente igual ao gabarito. 


A situação veio a público por um perfil no X, antigo Twitter, que escreveu: "Imagina estudar para um concurso e descobrir três dias depois que alguns compraram o gabarito antes?".


O perfil no X reunia prints e relatos, mas nesta quinta-feira, 1º de fevereiro, o conteúdo foi apagado das redes sociais. A reportagem salvou a imagem antes que fosse excluída. Veja a seguir:

(Foto: Reprodução X/Twitter)


Folha Dirigida por Qconcursos entrou em contato com a Secretaria de Defesa Social de Pernambuco (SDS PE), que afirmou que não foi verificado nenhum incidente nas provas. E que, com relação às denúncias que forem surgindo, todos os casos serão investigados.


Veja a nota na íntegra:

“A Secretaria de Defesa Social informa que, no dia do concurso, ocorreu uma operação para acompanhar a realização do certame. No Centro Integrado de Comando e Controle Estadual (CICCE), integrantes das operativas da SDS, monitoraram os locais de provas e não foi verificado nenhum incidente. Com relação às denúncias que forem surgindo, informamos que todos os casos que chegarem serão investigados”.
  • Em 2024, querer é poder! Com o Qconcursos sua aprovação não é um sonho. É o próximo passo. Assine já!

O que foi cobrado nas provas do concurso PM PE?

As provas objetivas e de redação do concurso PM PE foram aplicadas no domingo, 28. Os gabaritos preliminares já estão disponíveis para consulta pelo site do Instituto AOCP, organizador da seleção. 


Na prova objetiva, os candidatos ao cargo de soldado responderam a 60 questões, enquanto os inscritos ao posto de oficial foram submetidos a 70 perguntas.


Para soldado, por exemplo, foram cobradas as disciplinas de: Língua Portuguesa (dez); História de Pernambuco (dez); Raciocínio Lógico (dez); Informática (dez); Direito Constitucional (dez); e Direitos Humanos e Legislação Extravagante (dez).


Os aprovados, considerando os critérios de aprovação, serão convocados para as demais etapas, que incluem correção da redação, avaliação médica, exame físico e avaliação psicológica, assim como o curso de formação.


Com a conclusão de todas as etapas, o concurso será finalizado e ficará válido pelo prazo de dois anos, cabendo prorrogação por igual período.

Resumo concurso PM PE

  • Instituto: Polícia Militar de Pernambuco
  • Situação atual: provas realizadas
  • Banca: Instituto AOCP
  • Cargos: soldado e oficial
  • Escolaridade: níveis médio e superior
  • Vagas: 2.700 imediatas
  • Remuneração: R$3.419,88 a R$10.855,91
  • Inscrições: 13 de novembro a 17 de janeiro
  • Data da prova objetiva: 28 de janeiro

+ Saiba mais e comece a estudar para o concurso!

Concurso PM PE tem oferta de 2.700 vagas imediatas

O edital do concurso para Polícia Militar de Pernambuco foi divulgado em novembro de 2023. A oferta é de 2.700 vagas para os cargos de soldado e oficial. Confira a distribuição:

  • 2.400 vagas para praça (soldado); e
  • 300 vagas para oficial.

Para se candidatar ao cargo de soldado da Polícia Militar é preciso ter o nível médio completo e a Carteira Nacional de Habilitação (CNH).


Já na carreira de oficial combatente é aceito o curso superior em qualquer área. Em ambos os casos, os candidatos precisam ter altura mínima de 1,65m (homens) ou 1,60m (mulheres).


O novo concurso também conta com um novo limite de idade, sendo: 30 anos, no máximo, na data de inscrição.


O soldado fará jus ao soldo de R$3.419,88, enquanto o oficial, no posto de 2° tenente, receberá R$10.855,91.

Governo prevê chamada de até 2.550 excedentes do concurso

O Governo de Pernambuco incluiu a possibilidade de chamadas extraordinárias para o concurso PM PE.


Conforme portaria publicada no Diário Oficial do Estado de sábado, 27, até 2.550 excedentes poderão ser convocados, durante o prazo de validade da seleção.


Desse total, estão previstas até três chamadas extraordinárias de até 800 candidatos cada para o cargo de soldado da Polícia Militar de Pernambuco. 


Além de uma chamada extraordinária de 150 candidatos para o cargo de oficial, condicionada à existência de vagas e autorização da Câmara de Política de Pessoal. 


Esses números não impactam as convocações já previstas para as 2.400 vagas imediatas de soldados e 300 de oficiais. Agora, o governo prevê uma complementação no número de chamadas para o Curso de Formação Profissional. 


Quer ficar por dentro das notícias sobre concursos? Acompanhe o nosso canal no Telegram!

Logo Qconcursos
Conteúdo Qconcursos
InstitutoPolícia Militar de Pernambuco

Salário

Até R$ 10.855,91

Cargos

2

Vagas

2700
AO VIVOVer todas
Imagem do vídeo principal

Concurso Caixa - Aula de Língua portuguesa: Questões Cesgranrio

Equipe Qconcursos