Concurso PRF: novo pedido é enviado com mais de 5 mil vagas

Um novo pedido de concurso PRF já está no Ministério da Justiça e Segurança Pública e será encaminhado ao Ministério da Gestão e Inovação.

Concursos Previstos
Autor:Gustavo Portella
Publicado em:24/05/2024 às 20:58
Atualizado em:27/05/2024 às 18:29

Um novo pedido de concurso PRF, com 5.137 vagas, já foi elaborado e será encaminhado ao Ministério da Gestão e Inovação em Serviços Públicos (MGI), até o próximo dia 31 de maio.


A informação foi confirmada com exclusividade à Folha Dirigida por Qconcursos pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), nesta sexta-feira, 24.


De acordo com a pasta, a solicitação contemplará 5.137 vagas, sendo 4.902 na área Policial (nível superior com ganhos de R$12.114,60) e 235 para agente administrativo (nível médio e R$6.515,71).


>Comece AGORA a estudar para o próximo concurso da PRF. Clique AQUI!


O MJSP explica que, no caso da área Policial, será necessária, além da autorização dos provimentos, a criação das vagas, já que o quadro atual da Polícia Rodoviária Federal está completo.


O encaminhamento da demanda será feito até 31 de maio ao MGI, prazo que todos os órgãos federais têm para protolocar seus pedidos na pasta.


Veja a seguir os pedidos do MJSP, contemplando a PRF e a Polícia Federal (PF).

Pedidos de concursos PF e PRF são confirmados pelo MJSP

(Fonte: Ministério da Justiça e Segurança Pública)


O último concurso PRF, realizado em 2021, teve o prazo de validade prorrogado até dezembro de 2025.


A PRF também solicitou a chamada de excedentes, que foi negada pelo MGI.


O objetivo da PRF, com a chamada dos excedentes, era chegar a 13.098 policiais e atingir o limite permitido em lei.


Folha Dirigida por Qconcursos teve acesso ao ofício encaminhado, onde também foi feita a proposta de ampliação do quadro legal de cargos de Policial Rodoviário Federal ao Ministério da Justiça.


Agora, a corporação busca essas vagas por meio de um novo concurso público.

Novo pedido de concurso PRF conta com 5.137 vagas

(Foto: Divulgação)

O que é preciso e quanto ganha um PRF?

A carreira de policial rodoviário federal da PRF é destinada a candidatos com nível superior em qualquer área. Além disso, é preciso ter Carteira Nacional de Habilitação (CNH), na categoria B ou superior.


A PRF exige que o candidato tenha, na data da matrícula no Curso de Formação Profissional, idade mínima de 18 anos e máxima de 65 anos. Podem concorrer candidatos de ambos os sexos.


A remuneração atual do policial é de R$12.114,60, considerando vencimento de R$11.114,60 e o auxílio-alimentação de R$1 mil.


No entanto, já há reajustes aprovados para a categoria, elevando o valor a R$12.670,33, em maio de 2025, e a R$13.253,84, em 2026.


>>> Participe agora do nosso Grupo do Telegram e fique por dentro das principais notícias do mundo dos concursos!

Veja os requisitos do agente administrativo da PRF

O agente administrativo da PRF, por sua vez, exige apenas o nível médio dos candidatos. Veja a seguir o que os candidatos precisam para ingressar na carreira e o que fazem no dia a dia.


Requisito: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de nível médio (antigo segundo grau), fornecido por instituição de ensino reconhecida pelo MEC. 


Atribuições: executar atividades administrativas, de nível intermediário, relativas às competências legais da Polícia Rodoviária Federal, por meio da prestação de apoio técnico administrativo à área finalística da Instituição. 


Remuneração: R$6.515,71, sendo compostos pelo vencimento básico, gratificação 100 pontos e auxílio-alimentação de R$1 mil.


>Comece AGORA a estudar para o próximo concurso da PRF GRATUITAMENTE!

Lembre os últimos concursos PRF

O último concurso PRF, para a área Policial, foi realizado em 2021. Na época, foram abertas 1.500 vagas, e os concorrentes foram avaliados por meio de diversas etapas, sendo elas:

  • prova objetiva;
  • prova discursiva;
  • exame de capacidade física;
  • avaliação de saúde;
  • avaliação psicológica;
  • avaliação de títulos;
  • investigação social; e
  • curso de formação.

 

Na objetiva, foram cobradas 120 questões divididas por blocos, com as seguintes disciplinas:

Bloco 1 - 55 itens

  • Língua Portuguesa;
  • Raciocínio Lógico-Matemático;
  • Informática;
  • Noções de Física;
  • Ética no Serviço Público;
  • Geopolítica Brasileira; e
  • Língua Estrangeira (Inglês ou Espanhol).


Bloco 2 - 30 itens

  • Legislação de Trânsito.


Bloco 3 - 35 itens

  • Noções de Direito Administrativo;
  • Noções de Direito Constitucional;
  • Noções de Direito Penal;
  • Direito Processual Penal;
  • Legislação Especial; e
  • Direitos Humanos e Cidadania.

Foi aprovado na etapa quem conseguiu pelo menos 15 pontos no bloco I, dez no bloco II e dez no bloco III, além de 50 pontos no conjunto dos três blocos da avaliação.


Já na etapa de provas discursivas foi cobrada uma redação de texto dissertativo, com até 30 linhas.


O exame correspondeu a 20 pontos, sendo aprovado quem conseguiu pelo menos dez.

Veja como foi o último concurso PRF de agente administrativo

Com 216 vagas, o último concurso PRF de agente administrativo foi aberto em 2014. Na época , a seleção foi regionalizada e trouxe oportunidades por estado.


Durante o prazo de validade, foram nomeados 477 aprovados, segundo levantamento realizado pela Folha Dirigida por Qconcursos.


O estado com mais convocados foi o Rio Grande do Sul, com 53 nomeações. Seguido por Santa Catarina, com 42, e Minas Gerais, com 30.


O concurso PRF de nível médio teve duas etapas, sendo elas:

  • prova objetiva; e
  • investigação social.

Na primeira parte do concurso, os candidatos foram avaliados por meio de uma prova objetiva, com caráter eliminatório e classificatório.


Os candidatos tiveram até três horas e 30 minutos para responderem a 60 questões, que foram divididas em duas partes:

24 questões de Conhecimentos Básicos:

  • Língua Portuguesa (12);
  • Ética e Conduta Pública (6); e
  • Raciocínio Lógico (6).

36 questões de Conhecimentos Específicos:

  • Noções de Direito Constitucional (6);
  • Noções de Direito Administrativo (6);
  • Noções de Administração (6);
  • Noções de Arquivologia (6);
  • Noções de Informática (6); e
  • Legislação Relativa à PRF (6).

Cada questão da parte Específica valia 1,5 ponto. Já na parte de Conhecimentos Básicos, os itens de Língua Portuguesa contabilizavam dois pontos e os das demais disciplinas um ponto.


O exame teve caráter também eliminatório. Portanto, para não ser eliminado na primeira etapa, o candidato precisava obter, pelo menos, 30% do total de pontos, ou seja, 27 pontos. 


Saiba todos os detalhes sobre o concursos PRF e PF



Colaborou com esta reportagem Mateus Carvalho.

Logo Qconcursos
Conteúdo Qconcursos
InstitutoPolícia Rodoviária Federal

Salário

Até R$ 9.899,87

Cargos

1

Vagas

1500
PRÓXIMA LIVEVer todas
Imagem do vídeo principal

Concurso TJ SP Escrevente: Aulão das Disciplinas de Direito | Bloco II do edital #aovivo

Equipe Qconcursos