Novo concurso BNDES terá 40% das vagas reservadas às cotas

Está confirmado que o novo concurso BNDES terá 40% das vagas reservadas para cotas de negros e pessoas com deficiência. Veja detalhes!

Concursos Previstos
Autor:Bruna Somma
Publicado em:25/07/2023 às 12:03
Atualizado em:31/07/2023 às 04:30

O novo concurso BNDES, que tem edital previsto para o início de 2024, terá como foco a diversidade e inclusão. De acordo com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social, 40% das 94 vagas serão reservadas para as seguintes cotas:

  • 30% para candidatos negros; e
  • 10% para Pessoas com Deficiência (PcDs).

Esses quantitativos são maiores que os mínimos exigidos por lei.


Segundo o BNDES, o último concurso para ingresso no banco foi aberto em 2012, antes da Lei nº 12.990/2014, que trata da reserva de vagas para cotas raciais.


Nesse sentido, para promover maior diversidade no quadro de pessoal da instituição, o novo concurso trará maior reserva para as cotas.

"Atualmente, a instituição conta com um percentual aproximado de 14,6% de negros (12,9% de pardos e 1,7% de negros), ao passo em que o percentual aproximado desse grupo na sociedade brasileira é de 56,1% (47% de pardos e 9,1% de negros), conforme dados da Pesquisa Nacional de Amostra de Domicílios (PNAD Contínua)", disse o banco, em nota enviada à imprensa.

Para o presidente do BNDES, Aloizio Mercadante, a abertura do concurso suprirá as necessidades estratégicas reprimidas do banco por profissionais, além de representar um avanço institucional.


“A diversidade e a pluralidade enriquecem as instituições”, avaliou, destacando que o estabelecimento de cotas não dispensa, dos candidatos, um desempenho satisfatório na concorrência.


Quer se preparar para concursos? A Orange Week do Qconcursos está com descontos imbatíveis. Clique aqui e confira!

BNDES prepara novo concurso para o início de 2024

(Foto: Agência Brasil)


Nas últimas semanas, o ministro do Trabalho e Emprego, Luiz Marinho, também falou sobre a ampliação de cotas no concurso para auditor fiscal do trabalho (AFT).


Segundo o titular da pasta, nesse caso, 55% das vagas serão destinadas às cotas, inclusive para transexuais, indígenas e quilombolas. Saiba mais sobre as cotas no concurso AFT aqui!

Concurso BNDES será para os níveis médio e superior

A oferta do próximo concurso para o BNDES será de 94 vagas para cargos dos níveis médio e superior. As informações foram confirmadas pelo próprio banco no último dia 17. 


Apesar de os cargos do novo edital não terem sido revelados, o Plano de Cargos e Salários do BNDES dispõe de somente duas carreiras, sendo uma de nível médio e outra de nível superior. Veja:


Nível médio

  • técnico de suporte administrativo.

Nível superior

  • profissional básico nas áreas de: Administração; Análise de Sistemas - Desenvolvimento; Análise de Sistemas - Suporte; Arquitetura; Arquivologia; Biblioteconomia; Ciências Contábeis; Comunicação Social; Direito; Economia; Engenharia; Geologia; e Psicologia.

Assim, tais carreiras deverão constar no próximo concurso. As áreas e especialidades estão sendo mapeadas pela área de Recursos Humanos do banco.


Segundo o Plano de Cargos e Salários, para técnico de suporte administrativo os ganhos iniciais são de R$4.794,50, podendo chegar a R$14.373,36, com as progressões na carreira. 


Já para profissional básico, os valores iniciais são de R$15.048,69 por mês, chegando a R$35.043,22, com as progressões. Ainda não há definição sobre a banca organizadora do concurso.


Uma instituição será contratada para receber as inscrições e aplicar as provas. No último concurso do BNDES, em 2012, a Fundação Cesgranrio foi a contratada.


Prepara-se para concursos. Confira as próximas seleções previstas nas regiões:

Veja os detalhes do último concurso para o BNDES

O último concurso BNDES ocorreu há 11 anos e teve validade expirada em meados de 2015. O edital teve chances em cadastro de reserva para funções dos níveis médio e superior. 


No nível médio, as oportunidades foram para o cargo de técnico administrativo. Já para nível superior, as inscrições foram para profissional básico, nas especialidades de:

  • Administração, Análise de Sistemas (Desenvolvimento e Suporte), Arquitetura, Arquivologia, Biblioteconomia, Comunicação Social, Contabilidade, Direito, Economia, Engenharia e Psicologia.

A banca organizadora foi a Fundação Cesgranrio. Já os candidatos foram avaliados por provas objetivas e discursivas, ambas de caráter eliminatório e classificatório.


Os inscritos de nível médio tiveram que responder a perguntas de Língua Portuguesa (25), Matemática (25), Língua Estrangeira (oito), Conhecimentos Específicos sobre o BNDES (seis) e Conhecimentos Gerais (seis).


A prova discursiva consistiu em uma redação. Os candidatos poderiam somar até 40 pontos na avaliação.


Para nível superior, o exame objetivo cobrou 50 questões. Os itens foram distribuídos pelas disciplinas de Língua Portuguesa (20), Língua estrangeira (10) e Conhecimentos Específicos (20).


Já a prova discursiva apresentou cinco questões de Conhecimentos Específicos. A avaliação valia até 50 pontos.


Quer ficar por dentro das notícias sobre concursos? Acompanhe o nosso canal no Telegram!