Concurso Funai começa a receber propostas de bancas organizadoras

Com 502 vagas autorizadas, incluindo cargos dos níveis médio e superior, concurso Funai já recebe propostas de bancas organizadoras para novo edital.

Concursos Previstos
Autor:Juliana Goes
Publicado em:18/07/2023 às 16:52
Atualizado em:30/07/2023 às 04:30

A Fundação Nacional dos Povos Indígenas já recebe propostas de bancas organizadoras para o seu próximo concurso Funai.


Segundos fontes da Folha Dirigida por Qconcursos, o projeto básico do edital já está sendo enviado às organizadoras, que têm prazo para manifestar interesse na realização do concurso.


Uma das bancas que está na disputa é o Instituto de Desenvolvimento Educacional, Cultural e Assistencial Nacional (Idecan), que, nos últimos anos, realizou concursos nacionais como os do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e o da Advocacia-Geral da União (AGU).


Com o envio das propostas, é provável que, em breve, a Funai anuncie a organizadora escolhida. Isso porque o órgão trabalha para publicar o edital ainda este ano e, além disso, o prazo da portaria autorizativa prevê a divulgação até o dia 29 de outubro.


Já as provas deverão ocorrer em até dois meses, sendo assim, no máximo até dezembro deste ano.


Quer se preparar para concursos? A Orange Week do Qconcursos está com descontos imbatíveis. Clique aqui e confira!

Concurso Funai terá 502 vagas ainda este ano

(Foto: Divulgação)


Quer se preparar para concursos? Então confira as próximas seleções previstas nas regiões:

Concurso Funai terá 502 vagas

O novo concurso da Fundação Nacional dos Povos indígenas preencherá 502 vagas, em carreiras dos níveis médio e superior. São elas:

  • nível médio: agente em indigenismo (152 vagas e remuneração prevista de R$5.349,07); e
  • nível superior: administrador (26), antropólogo (19), arquiteto (uma), arquivista (uma), assistente social (21), bibliotecário (seis), contador (12), economista (24), engenheiro (20), engenheiro agrônomo (31), engenheiro florestal (duas), estatístico (uma), geógrafo (quatro), indigenista especializado (152), psicólogo (seis), sociólogo (12), técnico em assuntos educacionais (duas) e técnico em comunicação social (dez).

No caso dos cargos de nível superior, a remuneração prevista é de R$6.420,87.


Com o aval concedido pelo Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos, a fundação já formou a comissão no mesmo mês que recebeu a autorização do concurso.


Desta forma, a equipe trabalha, no momento, na escolha e contratação da banca, que ficará responsável pela avaliação dos candidatos.

Último concurso Funai foi realizado em 2016

último concurso Funai foi realizado em 2016. Na época, a oferta inicial foi de 220 vagas, mas segundo informações do órgão, foram convocados todos os aprovados e mais 50% dos classificados excedentes.


As oportunidades foram todas para o nível superior, nos cargos de contador, engenheiro agrônomo, engenheiro (agrimensor e civil) e indigenista especializado. 


Os candidatos foram avaliados por meio de provas objetiva e discursiva. As disciplinas cobradas abrangiam Conhecimentos Gerais e Conhecimentos Específicos.


A parte específica variava de acordo com a vaga concorrida. Já os Conhecimentos Gerais englobavam:

  • Língua Portuguesa;
  • Raciocínio Lógico e Quantitativo;
  • Direito Constitucional e Administrativo;
  • Legislação Indigenista;
  • Informática Básica; e
  • Administração Pública.

Quer ficar por dentro das principais notícias que rolam no mundo dos concursos? Acompanhe o nosso canal no Telegram e fique por dentro de tudo!

Logo Qconcursos
Conteúdo Qconcursos
InstitutoFundação Nacional dos Povos Indígenas
PRÓXIMA LIVEVer todas
Imagem do vídeo principal

Concurso TRE Unificado - Aula de Direito Constitucional: Princípio da Separação dos Poderes

Equipe Qconcursos