Concurso TRF1: veja a distribuição de vagas e áreas para analista

Com inscrições abertas, o concurso TRF1 oferece diversas oportunidades. Veja a distribuição das vagas para o analista!

Concursos Abertos
Autor:Mateus Melis
Publicado em:24/06/2024 às 16:52
Atualizado em:22/07/2024 às 10:33

O concurso TRF1 oferece oportunidades imediatas mais cadastro reserva para cargos que exigem o nível superior completo.


Além das vagas para o quadro de técnicos, o concurso do Tribunal Regional Federal da 1ª Região também conta com oportunidades para a carreira de analista.


Mas qual a distribuição dessas vagas para as especialidades de analista judiciário? Das 18 oportunidades imediatas, sete são voltadas à carreira, seguindo a seguinte divisão:

  • Administrativa: uma vaga;
  • inspetor da polícia judicial: cadastro de reserva;
  • Análise de Dados: cadastro de reserva;
  • Análise de Sistemas de Informação: cadastro de reserva;
  • Arquitetura: uma vaga;
  • Contabilidade: uma vaga;
  • Enfermagem: cadastro de reserva;
  • Engenharia Civil: cadastro de reserva;
  • Engenharia de Segurança do Trabalho: cadastro de reserva;
  • Engenharia Elétrica: cadastro de reserva;
  • Engenharia Mecânica: cadastro de reserva;
  • Fisioterapia: cadastro de reserva;
  • Governança e Gestão de TI: cadastro de reserva;
  • Medicina (Cardiologia): cadastro de reserva;
  • Medicina (Clínica Geral): cadastro de reserva;
  • Medicina (do Trabalho): cadastro de reserva;
  • Medicina (Ortopedia): cadastro de reserva;
  • Odontologia: cadastro de reserva;
  • Psicologia: cadastro de reserva;
  • Segurança da Informação: cadastro de reserva;
  • Serviço Social: cadastro de reserva;
  • Suporte em TI: cadastro de reserva;
  • TI: cadastro de reserva;
  • Judiciária: duas vagas + cadastro de reserva; e
  • Judiciária – oficial de justiça e avaliador federal: uma vaga + cadastro de reserva.

Conforme destacado, as áreas exigem o nível superior na especialidade. Em alguns casos, o candidato também deverá possuir o registro no órgão de classe.


>> Prepare-se para o concurso TRF1 com o time do Qconcursos. Acesse aqui!

Como fazer a inscrição no concurso TRF1?

Os candidatos interessados em uma as vagas do concurso TRF1 poderão realizar as suas respectivas candidaturas até o dia 22 de julho, no portal da Fundação Getulio Vargas (FGV).


Para confirmar a inscrição, será preciso efetuar o pagamento de uma taxa entre R$90 (técnico) e R$120 (analista).


Conheça o perfil das bancas e saia na frente nos concursos! Qconcursos Folha Dirigida disponibiliza o e-book "Perfil das Banca Organizadoras". Baixe gratuitamente e confira as características da FGV e mais!

Com inscrições abertas, concurso TRF1 oferece vagas para diversas especialidades

(Foto: Ascom/TRF1)

Resumo do concurso TRF1

  • Instituição: Tribunal Regional Federal da 1ª região - TRF1
  • Status: edital publicado
  • Banca: Fundação Getulio Vargas (FGV)
  • Cargos: técnicos e analistas
  • Escolaridade: nível superior
  • Remuneração: de até R$16.035,69
  • Vagas: 17 vagas + CR
  • Inscrição: 19 de junho a 22 de julho
  • Taxa: R$90 e R$120
  • Provas: 29 de setembro

Cadastre-se gratuitamente e resolva questões para o concurso

Vagas para técnicos do TRF1

Além das oportunidades para analistas, o concurso TRF1 também oferece vagas imediatas mais cadastro reserva para as seguintes áreas do técnico judiciário:

  • Administrativa: sete vagas + cadastro de reserva;
  • agente da polícia judicial: cadastro de reserva;
  • Contabilidade: cadastro de reserva;
  • Desenvolvimento de Sistemas de Informação: duas vagas + cadastro de reserva;
  • Edificações: cadastro de reserva;
  • Enfermagem: cadastro de reserva;
  • Suporte Técnico: cadastro de reserva; e
  • Tecnologia da Informação: duas vagas + cadastro de reserva.

Salários e benefícios do concurso TRF1

A remuneração inicial do aprovado será composto pela soma do vencimento básico com a Gratificação de Atividade Judiciária (GAJ).


O aprovado no cargo de técnico iniciará a carreira com ganho inicial de R$8.529,65.


O aprovado na especialidade de Polícia Judicial ainda fará jus à Gratificação de Atividade Segurança (GAS) e, sendo assim, contará com salário inicial de R$9.773,56.


Para os analistas, os ganhos em início de carreira são de R$13.994,78, com exceção do oficial de justiça avaliador federal, que recebe R$16.035,69.

Benefícios do aprovado

Além dos ganhos iniciais do concurso TRF1, o aprovado ainda fará jus aos seguintes benefícios:

  • auxílio-alimentação: R$1.393,10;
  • assistência pré-escolar: R$1.178,82;
  • auxílio-natalidade: R$718,58; e
  • auxílio-saúde: R$579,39.

O servidor ainda terá direito ao Adicional de Qualificação (AQ), que tem valores variáveis, de acordo com a titulação.

O que será exigido na prova do concurso TRF1?

Conforme indicado no edital, as provas do concurso TRF1 serão aplicadas no dia 29 de setembro. Serão exigidos conhecimentos nas seguintes áreas:


Cargos: Analista Judiciário – área Administrativa – sem especialidade; técnico judiciário – sem especialidade; analista judiciário – área Judiciária; analista – oficial de justiça.

  • Língua Portuguesa: 20 questões;
  • Raciocínio Lógico e Matemático: seis questões;
  • Noções de Sustentabilidade: seis questões;
  • Noções de Direitos Humanos e Fundamentais e de Acessibilidade: oito questões; e
  • Conhecimentos Específicos: 40 questões.

Cargos: demais carreiras

  • Língua Portuguesa: 15 questões;
  • Raciocínio Lógico e Matemático: cinco questões;
  • Noções de sustentabilidade: cinco questões;
  • Noções de Direito Administrativo: oito questões;
  • Noções de Direito Constitucional: sete questões; e
  • Conhecimentos Específicos: 40 questões.


Veja detalhes do novo concurso TRF1 no vídeo abaixo:


Logo Qconcursos
Conteúdo Qconcursos
InstitutoTribunal Regional Federal da 1ª Região

Salário

Até R$ 16.035,69

Cargos

34

Vagas

19
AO VIVOVer todas
Imagem do vídeo principal

CNU - Bloco 7 - Aula de Redação: Resolução de Questões

Equipe Qconcursos