Concurso Unificado tem contrato publicado e equipe será formada

O MGI elegerá uma equipe para fiscalizar a contratação da banca do Concurso Nacional Unificado, cujo edital está previsto para sair este mês.

Concursos Previstos
Autor:Mateus Carvalho
Publicado em:04/12/2023 às 07:42
Atualizado em:04/12/2023 às 09:00


Folha Dirigida por Qconcursos teve acesso ao contrato, na íntegra, que confirma a escolha da Fundação Cesgranrio por um valor de R$160.000.044,00.


De acordo com o documento, o prazo de vigência da contratação será de 18 meses (um ano e meio), contados a partir da assinatura do contrato.


ACESSE AQUI O DOCUMENTO!


Após a assinatura, foi enviado um ofício à Diretoria de Gestão de Pessoas do Ministério da Gestão e Inovação, para que fosse feita a composição da equipe que ficará responsável pela fiscalização ao contrato.


O setor pediu agilidade na composição deste novo grupo.

"Pelo exposto, pedimos que a indicação seja apresentada com maior brevidade possível, com vistas a possibilitar a elaboração e publicação da Portaria", diz o documento.

Em breve, as indicações serão feitas e o grupo será oficialmente designado.


Estes servidores ficarão responsáveis por monitoras a contratação da banca e se as ações previstas em contrato estão sendo cumpridas pela banca e pela pasta responsável pela execução do CNU, ou seja, o Ministério da Gestão e Inovação.

Enem dos Concursos terá edital este mês

Com os processos tendo os avanços previstos dentro do prazo, a publicação do edital do CPNU não deve atrasar.


Conforme previsto em cronograma, o documento deve ser divulgado pelo MGI no dia 22 de dezembro (sexta-feira). Esta é a previsão passada pela pasta em diversas oportunidades, inclusive no último seminário.


As demais previsões que foram reveladas pelo governo são:

  • provas: até março de 2024;
  • resultado final da etapa unificada: até maio de 2024;
  • cursos de formação, quando cabível: até julho de 2024;
  • posse dos novos servidores: até agosto de 2024.

As provas serão aplicadas em 180 cidades, em um único dia e em dois turnos. Os municípios já foram revelados pelo Governo Federal, que separou polos em todo o país, pelas cinco regiões e contemplando várias cidades.


Fique por dentro dos concursos!

Ministério da Gestão e Inovação elege equipe que fiscalizará contrato com a banca do Concurso Unificado

(Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil)


Quer ficar por dentro da banca do Concurso Nacional Unificado? Então baixe agora, gratuitamente, o E-BOOK do perfil da CESGRANRIO, com todas as informações sobre o chamado "Enem dos Concursos". Clique aqui!

Concurso Unificado tem 6.640 vagas confirmadas

O Governo Federal enviou convite a todos órgãos federais que receberam aval para concursos em 2023 para participar do Concurso Unificado, mas a adesão foi voluntária.


Veja a seguir a lista dos que estão confirmados!

  • IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística): 895 vagas;
  • Funai (Fundação Nacional dos Povos Indígenas): 502 vagas;
  • Incra (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária): 742 vagas;
  • Mapa (Ministério da Agricultura e Pecuária): 440 vagas;
  • Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia): 80 vagas;
  • MTE (Ministério do Trabalho e Emprego): 900 vagas;
  • Ministério da Saúde: 220 vagas;
  • AGU (Advocacia Geral da União): 400 vagas;
  • Previc (Superintendência Nacional de Previdência Complementar): 40 vagas;
  • Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica): 40 vagas;
  • Antaq (Agência Nacional de Transportes Aquaviários): 30 vagas;
  • ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar): 35 vagas;
  • MDIC (Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços): 110 vagas;
  • MCTI em partes (Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação): 296 vagas;
  • MJSP (Ministério da Justiça e Segurança Pública): 130 vagas;
  • MinC (Ministério da Cultura): 50 vagas;
  • MEC (Ministério da Educação): 70 vagas para ATPS;
  • MDHC (Ministério dos Direitos Humanos e da Cidadania): 40 vagas;
  • MPI (Ministério dos Povos Indígenas): 30 vagas;
  • MPO (Ministério do Planejamento e Orçamento): 60 vagas;
  • MGI (Ministério da Gestão e Inovação em Serviços Públicos) e as carreiras transversais: 1.480 vagas;
  • Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira): 50 vagas.

Em resposta exclusiva à Folha Dirigida na quarta, 29, a Diretora de Provimento e Movimentação do Ministério da Gestão e Inovação em Serviços Públicos (MGI), Cida Chagas, falou que a possível regionalização das vagas ainda será discutida.

"Isso de fato é um assunto que para alguns órgãos é importante, para outros menos. Até mesmo alguns órgãos que têm diversas unidades espalhadas pelo território brasileiro advogam pela não prática da regionalização, outros já defendem. As pessoas não têm um mesmo entendimento em relação a isso. Vamos fazer uma discussão com os órgãos que fizeram adesão em relação a isso", explicou Cida. 

No próprio projeto básico do concurso unificado, ao qual Folha Dirigida por Qconcursos teve acesso, diz que as vagas poderão ter caráter nacional e/ou regional, a depender das definições da Comissão de Governança.

CNU terá vagas por blocos temáticos

Também já foi antecipado pelo MGI que as vagas do Concurso Nacional Unificado serão divididas entre oito blocos temáticos: 

  • Administração e Finanças Públicas;
  • Setores Econômico, Infraestrutura e Regulação;
  • Agricultura, Meio Ambiente e Desenvolvimento Agrário;
  • Educação, Ciência, Tecnologia e Inovação;
  • Políticas Sociais; Justiça e Saúde;
  • Trabalho e Previdência;
  • Dados, Tecnologia e Informação Pública; e
  • Nível intermediário.

As oportunidades serão agrupadas nos blocos a depender de suas afinidades temáticas. Cada bloco terá diferentes órgãos e carreiras.


Com isso, uma mesma pessoa poderá concorrer a diferentes oportunidades, pagando somente uma taxa de inscrição.


Será permitido fazer a inscrição para apenas um dos blocos temáticos. Primeiro, o candidato deverá escolher o bloco e, depois, elencar as carreiras que deseja (deste bloco) concorrer por ordem de prioridade, desde que tenha os requisitos necessários.


Quer ficar por dentro das notícias que rolam no mundo dos concursos? Acompanhe o nosso canal no Telegram e fique por dentro de tudo!

Logo Qconcursos
Conteúdo Qconcursos

Salário

Até R$ 22.921,71

Cargos

9

Vagas

13280
PRÓXIMA LIVEVer todas
Imagem do vídeo principal

Concurso TRE Unificado - Aula de Direito Penal: Conflito aparente de leis penais

Equipe Qconcursos