Concurso Unificado terá nova data anunciada nesta semana

Após reunião em Brasília DF, na segunda, 20, o MGI alinha o anúncio da nova data de provas do Concurso Unificado.

Autor:Mateus Carvalho
Publicado em:20/05/2024 às 20:39
Atualizado em:21/05/2024 às 12:08

O anúncio da nova data da prova do Concurso Nacional Unificado pode ocorrer a qualquer momento. A previsão é para que isso aconteça ainda nesta semana.


Uma reunião em Brasília nesta segunda, 20, teve membros da Fundação Cesgranrio e do Ministério da Gestão e Inovação, o MGI.


Fontes ligadas ao MGI confirmam a previsão de anúncio para esta terça-feira, 21. Mas, segundo apurou Folha Dirigida por Qconcursos, havia a expectativa até mesmo para que o anúncio acontecesse nesta segunda, 20, o que não ocorreu.

"Pode ser que amanhã seja divulgado", disse uma outra fonte ouvida pela reportagem

De qualquer forma, a nova data está prevista para ser divulgada ainda esta semana.


A pasta ainda não cravou uma data, mas a remarcação das provas está em estudo para agosto, segundo fontes ouvidas pela reportagem


Inclusive, fontes do Governo Federal informaram à Folha Dirigida por Qconcursos que o cenário é favorável para que a data escolhida seja o dia 18 de agosto. Mas, ainda não há uma data oficial.


No mesmo dia em que foi anunciado o adiamento das provas, a ministra da Gestão e Inovação, Esther Dweck, informou que a previsão era divulgar a nova data em duas semanas.


Segundo a chefe da pasta, este era considerado o "prazo ideal", tendo em vista diversos fatores.

"Eu preciso garantir os locais de provas e que as pessoas que fariam a aplicação estarão disponíveis. Então a gente precisa de umas duas semanas para fazer todo esse processo de garantia da logística e estabelecer uma nova data", disse.

Além disso, a confirmação da nova data das provas dependia da melhora na situação do Rio Grande do Sul. Uma vez que é preciso analisar se o estado terá condições de receber a aplicação no dia sugerido.


Vale lembrar que as provas do Concurso Unificado estavam marcadas para o dia 5 de maio.


Entretanto, o Governo Federal decidiu adiar a aplicação em todo o país devido às fortes chuvas e o estado de calamidade pública no Rio Grande do Sul.


Com o "Manual das Provas CNU", você tem acesso a informações compiladas e a um checklist para as provas. BAIXE GRATUITAMENTE AQUI!

Provas do CNU foram adiadas em função das fortes chuvas no RS e serão remarcadas

(Foto: Agência Brasília/Arquivo)

Concurso Unificado vai reabrir inscrições?

Após o adiamento das provas, uma das perguntas que muitos candidatos estão fazendo é se o "concurso unificado vai reabrir inscrições?".


Até o momento, o Ministério da Gestão e Inovação em Serviços Públicos não sinaliza tal possibilidade.


Além disso, é importante destacar que os editais do CNU não contam com essa prerrogativa.


O Concurso Nacional Unificado tem 2.144.435 inscritos confirmados para cargos de níveis médio e superior.


Com base em outros concursos que já tiveram situação parecida, quando a aplicação da prova é adiada, os órgãos não têm o costume de reabrir o período de inscrição.


Neste caso, apenas aqueles que já se candidataram permanecem na seleção e podem realizar os exames na nova data.


Leia também:

+ Concurso Unificado: candidatos avaliam devolução de taxa

+ Fazer ou não outros concursos com o adiamento do CNU? Saiba aqui!

Veja como serão as provas do CNU

Quando forem remarcadas, as provas objetivas e discursivas do Concurso Unificado serão realizadas em dois turnos, sendo manhã e tarde. Confira os horários:


Turno da manhã

  • Abertura dos portões: 7h30
  • Fechamento dos portões: 8h30
  • Início da aplicação: 9h
  • Término da aplicação: 11h30
  • Término da aplicação para candidatos que necessitem de tempo adicional para realização das provas e tenham solicitado no ato da inscrição: 12h30
  • Duração da prova: 2h30

Turno da tarde

  • Abertura dos portões: 13h
  • Fechamento dos portões: 14h
  • Início da aplicação: 14h30
  • Término da aplicação: 18h
  • Término da aplicação para candidatos que necessitem de tempo adicional para realização das provas e tenham solicitado no ato da inscrição: 19h.
  • Duração da prova: 3h30

No turno da manhã, os inscritos nos blocos de nível superior (1 a 7) deverão responder a 20 questões objetivas de Conhecimentos Gerais e a uma questão dissertativa de Conhecimento Específico.


Para o bloco de nível médio (8), os participantes farão 20 questões de múltipla escolha e uma redação.  


No período da tarde, para os blocos de nível superior (1 a 7), serão cobradas 50 questões objetivas de Conhecimentos Específicos.


Já os candidatos no bloco de nível médio (8) farão mais 40 questões objetivas.


Será eliminado quem obtiver aproveitamento inferior a 40% da pontuação nas provas objetivas de Conhecimentos Gerais e Específicos ou nota zero na prova discursiva.


Logo Qconcursos
Conteúdo Qconcursos

Salário

Até R$ 22.921,71

Cargos

9

Vagas

13280
PRÓXIMA LIVEVer todas
Imagem do vídeo principal

Concurso TJ SP Escrevente: Aulão das Disciplinas de Direito | Bloco II do edital #aovivo

Equipe Qconcursos